segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Eaí? / Revista Atlântida

Volta e meia estudantes, pesquisadores e até ex-colegas me perguntam sobre onde conseguir edições de duas revistas que a gente fez lá na RBS: a Eaí? e a Revista Atlântida (2ª gestão).

Pra comprar não deve ser fácil.

Mas, pra pesquisa, a boa notícia é que, em Porto Alegre, deve ser bem fácil de encontrar esses exemplares. Ao contrário de editora, rádio não tem arquivo de revistas. E o núcleo em que a Eaí? estava alocada na RBS acabou extinto.

Ciente de que, se não fizesse nada, ninguém ia se preocupar em preservar nada disso, eu mesmo ocupei meus últimos dias na Redação em fazer quatro pacotes de revistas e distribuí-los em lugares de fácil acesso e que preservam a memória. O que eu nunca tinha feito é contar na internet onde eles estão, pra que alguém pudesse encontrar.

Só que não adianta nada eu fazer isso e não deixar a informação no Google. Então aí vai:

1. Arquivo da Zero Hora. É o mais completo de todos. Inclui todas as edições das duas revistas com CD, mais algumas provas de gráfica, mais os exemplares que tínhamos da primeira fase da Revista Atlântida (editado por uma empresa parceira da RBS um tempo antes da nossa versão). É a mais completa possível e a que tende a ser melhor preservada, mas também deve ser a mais inacessível. Por isso, se for para uma pesquisa simples, sugiro as opções abaixo:

2. Museu Hipólito José da Costa, Biblioteca da Fabico (UFRGS) e Biblioteca Central da PUCRS - Coleções completas da nossa série da Revista Atlântida e coleção completa do Eaí?. Sendo que no museu eu levei pessoalmente, e nas bibliotecas eu pedi pra levarem lá.

É isso.

4 comentários:

Cínthya Verri disse...

Nasi, vc é lindo demais.

Cínthya Verri disse...

Eu escrevi antes esse comentário mas acho que apagou, sei lá. Enfim, o comentário é o seguinte: Nasi, vc é lindo demais.

Pauline - Blog Cheia de Charme disse...

Tenho várias guardadas e encaixotados no sótão da minha casa! Um hora dessas reorganizo elas. Saudades dessa época. beijos querido! Pauline Costa

achr disse...

tenho todas as revistas Eai.

Saudade desta publicação.