terça-feira, 5 de agosto de 2008

E o Duchamp no MAM?

Sim, tem a roda de bicicleta.

Roda



E o urinol.

R. Mutt, 1917



Mas tem um lado do Duchamp que é o do zoador, o do criador, do provocador.

Cinema



Esse é o Duchamp que me interessa. Eu fui atrás dele, e ele estava lá. Você pode até me acusar de ter sido um encontro marcado, que eu já sabia o que estava procurando -- mas aí vai ter que me explicar porque, se eu sabia o que ia achar, saí de lá surpreso.

Um comentário:

garotaproblema disse...

Essa exposição tá demais. Quem (acha que) conhece Duchamp, sai de lá maravilhado.